Ela acreditava em anjo e, porque acreditava, eles existiam.
(A Hora da Estrela)

Clarice Lispector

sábado, 16 de outubro de 2010

Tenho amigos diferentes uns dos outros, uns amigos carentes, outros amigos seguros ou extremo,
outros gostam tanto de baladas que não param em casa, outros já não saem de casa por nada.
Tenho amigos estranho, fechados. Amigos que tem sua vida planeja e organizada até o mês de dezembro,
outros ao contrario vivem um dia diferente do outro. 
Tenho amigos que gostam de cantar de dançar, de sair e ver o sol nascer. Amigos que passam o dia preocupados com que os outros vão pensar.
Amigos que choram no meu ombro, amigos que riem de tudo, amigos que são super inteligentes.
Descobri que esses amigos tem algo em comum mesmo sendo tão diferentes. Estão ligados a mim de alguma
maneira, mesmo longe ou perto.
Entendi que amigos vão e vem, pessoas de todos os tipos vão e vem, todos os dias, mas que amigos mesmo,
esses sim, esses são eternos.
Amizade não é só ser ouvido, entendido, aceito. Amizade é algo muito mais complexo, você tem que ouvir,
cuidar, aceitar, (aceitar não significa entender), emprestar dinheiro, sofrer, brigar, xingar, e depois olhar
pra traz e ter certeza de sentir-se seguro pois sabe que tem alguém com quem pode
contar.


OBS: 


Amizades assim, como a sua, amizades completas são poucas, por isso
guardo você dentro da minha caixa de coisas boas. Você esta lá dentro, dentro da caixa,
dentro do coração!

Um comentário:

  1. perfeitos seus textos lindah! to te seguindo aqui ;D

    ResponderExcluir